quinta-feira, 23 de setembro de 2021

O que é um resíduo químico? Como deve ser o descarte de resíduos e lixos químicos?

 O que é um resíduo químico?

De acordo com a Resolução CONAMA nº 358, de 29 de abril de 2005 resíduo químico é todo material ou substância com característica de periculosidade, quando não forem submetidos a processo de reutilização ou reciclagem, que podem apresentar risco à saúde pública ou ao meio ambiente
Como deve ser o descarte de resíduos e lixos químicos?
O descarte de resíduos químicos deve ocorrer mediante a classificação do produto químico a ser descartado. ... Já o descarte de resíduos químicos sólidos deve ser em recipientes fabricados em material rígido, lacrados e identificados.
Os resíduos químicos laboratoriais devem ser armazenados temporariamente em abrigos específicos até que sejam retirados para tratamento. O tratamento deve ser realizado por uma empresa especializada. No armazenar devem ser tomadas medidas nas quais as características e as quantidades dos resíduos não se alterem.
Global Soluções Ambientais - Serviço de Coleta e Tratamento
(11) 4722-3991 – www.gsambientais.com.br

terça-feira, 21 de setembro de 2021

resíduos do grupo A

 Resíduos com a possível presença de agentes biológicos, que por suas características de maior virulência ou concentração, podem apresentar risco de infecção.

Os resíduos do grupo A (apresentam risco devido à presença de agentes biológicos):

  • sangue e hemoderivados;
  • Excreçõessecreções e líquidos orgânicos;
  • meios de cultura;
  • tecidos, órgãos, fetos e peças anatômicas;
  • filtros de gases aspirados de áreas contaminadas;
  • resíduos advindos de área de isolamento;
  • resíduos alimentares de área de isolamento;
  • resíduos de laboratório de análises clínicas;
  • resíduos de unidade de atendimento ambiental;
  • resíduos de sanitário de unidades de internação;
  • objetos perfurocortantes provenientes de estabelecimentos prestadores de serviços de saúde.

Os estabelecimentos deverão ter um responsável técnico, devidamente registrado em conselho profissional, para o gerenciamento de seus resíduos. Os resíduos sólidos do grupo A deverão ser acondicionados em sacos plásticos grossos, brancos leitosos e resistentes com simbologia de substância infectante. Devem ser esterilizados ou incinerados.

Oque é resíduos de serviços de saúde (RSS)?

 

Oque é resíduos de serviços de saúde (RSS)?

A Global Soluções Ambientais, responde:

Os resíduos de serviços de saúde (RSS), comumente associados à denominação lixo hospitalar ou resíduo hospitalar, é o nome que se dá aos resíduos originários de ações médicas desenvolvidas em unidades de prestação de cuidados de saúde, em atividades de prevenção, diagnóstico, tratamento, reabilitação e investigação relacionada com seres humanos ou animais, em farmácias, em atividades médico-legais, de ensino e em quaisquer outras que envolvam procedimentos invasivos, tais como acupuntura, piercings e tatuagens.

São divididos em: resíduos sólidos; resíduos em estado sólido ou semissólido e líquidos cujas particularidades tornem inviável seu lançamento na rede pública de esgotos.

Representam uma fonte de riscos à saúde humana e ao meio ambiente, devido principalmente à falta de adoção de procedimentos técnicos adequados no manejo das diferentes frações sólidas e líquidas geradas, como materiais biológicos contaminados e objetos perfurocortantes, peças anatômicas, substâncias tóxicas, inflamáveis e radioativas.

www.gsambientais.com.br – (11) 4722-3991

segunda-feira, 13 de setembro de 2021

Lixo industrial: o que é?

 


Lixo Industrial ? ligue (11) 4722-3991

 

Lixo industrial: o que é?

 

A Global Soluções Ambientais, responde :

 

A produção diária de lixo industrial no Brasil é absurda: é o quarto maior produtor no mundo, com 79 milhões de toneladas apenas em 2018. Grande parte desse lixo industrial pode ser reciclada. No entanto, há um problema que muitas cidades não oferecem ao cidadão uma forma de solucioná-lo: o lixo industrial.

É muito comum vermos lixo industrial jogados em terrenos baldios. Mas esse, logicamente, não é a melhor forma de se livrar dele. Neste post, você vai entender o que é lixo industrial e como descartá-lo corretamente:

O que é lixo industrial?

O lixo industrial produzido pelo setor industrial e responsável por inúmeros produtos e serviços:

·        manufatura de bens de consumo;

·        processamento de alimentos;

·        produção petroquímica;

·        produção de plástico;

·        produtos químicos;

·        papel e celulose;

·        mineração.

Alguns exemplos de lixo industrial são produtos químicos, borracha, plásticos, madeira, tecidos, papéis, cinzas, metais, vidros, gases e óleos.

Para a produção desses bens, a indústria utiliza matéria-prima, como o ferro, a água e a madeira, mas esses processos produzem uma enorme quantidade de lixo industrial, que pode ser inofensivo ou tóxico. 

Alguns exemplos de lixo industrial perigosos para a saúde são os metais (mercúrio e cádmio, por exemplo), cianureto, pesticidas, solventes e amianto.

Como as indústrias costumam descartar o lixo industrial?

Infelizmente, grande parte das indústrias brasileiras não se responsabiliza pelo descarte correto dos seus rejeitos. Materiais sólidos costumam ser amontoados em depósitos, enquanto os líquidos são despejados nos rios e mares. Por fim, os resíduos gasosos saem pelas chaminés e contaminam o ar. 

O problema é que parte desse lixo é tóxica e, pior, não biodegradável. Mas como a indústria não sabe lidar com ele, acaba o eliminando no meio ambiente, mesmo com a consciência de que ele não será absorvido.

Quanto mais se enterra esse lixo, mais os ciclos naturais são ameaçados e o ambiente é poluído. 

Como é feito o descarte do lixo industrial?

O descarte do lixo industrial depende de sua classe:

·        1: resíduo perigoso (contaminante e tóxico);

·        2: resíduo não inerte (possivelmente contaminante);

·        3: resíduo inerte (não contaminante).

 

A Global Soluções Ambientais oferece serviço de :

·        coprocessamento: transforma os resíduos em combustível para fornos das indústrias cimenteiras, mas sem gerar gases poluentes;

·        incineração: destrói o lixo da classe I, que é formado por resíduos corrosivos, reativos, tóxicos, inflamáveis ou patogênicos;

·        aterramento: também é uma forma de descarte para resíduos da classe I. No entanto, o aterro precisa seguir as normas da secretaria municipal de cada cidade, que destina uma área própria para o lixo industrial.

·        beneficiamento de resíduos: destrói, de forma térmica, os itens contamináveis, como óleo e resíduos sólidos.

Reciclagem

Grande parte do lixo industrial é não contaminante. Portanto, pode ser segmentado e enviado para cooperativas de reciclagem.

Sistema de logística reversa

Um dos pontos mais importantes da Política Nacional de Resíduos Sólidos, o sistema de logística reversa é uma forma de descarte em que indústria, empresa, poder público e consumidor se responsabilizam pelos resíduos. 

A lei prevê prevê logística reversa para seis tipos de produtos, já que seu descarte incorreto coloca em risco a saúde da população: produtos eletroeletrônicos, óleos lubrificantes, pilhas e baterias, agrotóxicos, lâmpadas, pneus.

EMPRESA DE COLETA DE LIXO SP

  EMPRESA DE COLETA DE LIXO SP É PARTE IMPORTANTE NA ECONOMIA DE RECURSOS Uma  empresa de coleta de lixo SP  é um parceiro valioso das admin...